0

"Invejo a burrice, porque é eterna"; veja frases de Nelson Rodrigues

23 ago 2012
10h56
atualizado em 24/8/2012 às 09h53

Tarado, pornográfico, imoral, louco, reacionário. Nelson Rodrigues, que estaria completando 100 anos nesta quinta-feira (23), foi chamado de tudo isso ao revolucionar o teatro brasileiro, em meados do século 20.

Infográfico: Veja frases, vida e obras de Nelson Rodrigues

Nelson Rodrigues costumava destilar toda a sua ironia em frases que, de tão polêmicas, se tornaram clássicas. Confira algumas das melhores frases do dramaturgo:

"A vida é a arte de não fazer favores. Nada ofende mais do que benefício, nada agride mais do que favor."

"Nem toda mulher gosta de apanhar, só as normais"

"O sábado é uma ilusão"

"O herói, o santo, o gênio ou o profeta do nosso tempo há de ser neurótico. O sujeito se angustia porque se opõe a mundo que fracassou."

"Na batalha entre o gênio e a burrice, o gênio rosna de impotência e frustração, enquanto o cretino arde como um sol desvairado."

"Confio em tudo, menos em nossa frívola e relapsa caridade."

"Invejo a burrice, porque é eterna."

"Todo grande homem tem que ser, obviamente, obsessivo. Não sei se me entendem. Mas o 'grande homem' é a soma de suas ideias fixas. São elas que o potencializam."

"O preconceito contra o ridículo é um equívoco obtuso e milenar. Só o imbecil não é ridículo."

"Eu me nego a acreditar que um político, mesmo o mais doce político, tenha senso moral."

"Um grande país é homicida e suicida. Homicida enquanto se desenvolve. Mas, quando atinge o máximo de seu progresso e de sua euforia, torna-se suicida."

"Nada mais idiota do que fazer filmes sem violência para uma plateia de violentos."

"Eu quero que a história vá para o diabo que a carregue, e Marx que vá tomar banho."

"Ninguém ouve ninguém. O que nós chamamos diálogo é, na maioria dos casos, um monólogo cuja resposta é outro monólogo."

"O homem esquece antes de sofrer."

"E ninguém observou o óbvio: que a burrice influi mais no comportamento humano do que o fator sexual ou econômico ou outro qualquer."

"Para ter coragem, precisei sofrer muito. Mas a tenho. Posso subir numa mesa e anunciar de fronte alta: 'sou um ex-covarde'. É maravilhoso dizer tudo."

"Só acredito nas pessoas que ainda se ruborizam."

"Com sorte, você atravessa o mundo. Sem sorte, você atravessa a rua."

"Sua muito o sujeito que ganha pouco. E sua pouco o sujeito que ganha muito. Há uma relação nítida e taxativa entre a transpiração e o ordenado."

"O mal amado sente-se hostilizado até pelas paredes, pelos edifícios, pelas paisagens.""A mulher fria é a única que não tem o direito de trair."

"O homem e a mulher são dois ressentidos contra o ex-amor."

"A mulher pode ser grã-fina. O homem, não. O homem tem que ser macho."

"Aos 18 anos, o homem não sabe nem como se diz bom dia a uma mulher. O homem devia nascer com 30 anos."

"A esposa deve ser, mal comparando, e sob certos aspectos, um parelelepípedo."

"A mulher se corrompe menos do que o homem. Na mais degradada das mulheres sobrevive algo de intacto, de intangível, de eterno. Esse mínimo de inocência sempre a salva."

"No Brasil, quem não é canalha na véspera é canalha no dia seguinte."

"A nudez feminina perdeu todo o suspense e o mistério. Vivemos a mais despida das épocas."

"Quando o sujeito é uma besta e não é capaz de fazer nada, faz filhos."

"Todo tímido é um candidato a um crime sexual."

"O canalha é sempre um cordial, um ameno, um amorável e costuma ter uma fluorescente aura de simpatia."

"A mulher ama e se realiza pelo amor ou, então, é um macho mal-acabado."

"Sempre digo que a pior forma de ódio é o ex-amor. Ninguém perdoa aquele ou aquela que deixou de ser amado."

"O inimigo é um sujeito abominável que deve ser transformado, o mais depressa possível, em amigo de infância."

"As feministas querem reduzir a mulher a um macho mal-acabado."

"A única nudez realmente comprometedora é a da mulher sem quadris."

"A pior forma de solidão é a companhia de um paulista."

Nelson Rodrigues completaria 100 anos nesta quinta (23)
Nelson Rodrigues completaria 100 anos nesta quinta (23)
Foto: Futura Press
Fonte: Terra

compartilhe

publicidade