0

Jornal: Lobão chama Dilma de torturadora e Roberto Carlos de múmia

Em novo livro, chamado 'Manifesto do Nada na Terra do Nunca', músico ataca diversas personalidades

2 mai 2013
09h19
atualizado às 09h33
  • separator
  • comentários

Depois de fazer sucesso com sua biografia - 50 Anos a Mil -, o músico Lobão lança o livro Manifesto do Nada na Terra do Nunca, que ataca diversas personalidades do Brasil, como a presidenta Dilma, Roberto Carlos e o Racionais MCs. As informações são do jornal Folha de S. Paulo desta quinta-feira (2).

Lobão em sessão de fotos para divulgação do livro
Lobão em sessão de fotos para divulgação do livro
Foto: Rui Mendes / Divulgação

Na publicação de 300 páginas, que terá tiragem de 40 mil exemplares, os ataques são inúmeros. Segundo o jornal, Lobão chama Dilma Rousseff de "torturadora" no capítulo entitulado 'Vamos Assassinar a Presidenta da República?'. Já o cantor Roberto Carlos é referido "múmia deprimida", enquanto os rappers do Racionais MCs são descritos como "braço armado do PT".

Ainda segundo o artigo, Lobão defende que o pensamento cultural brasileiro foi moldado pelas ideias propostas na Semana de 1922, sendo que a antropofagia, base do pensamento da época, fizesse com que movimentos fossem influenciados pela vanguarda estrangeira. Em um dos capítulos, o autor escreve uma carta aberta a Oswald de Andrade.

“Trocando em miúdos, Oswald, te garanto que estamos numa merda de fazer gosto. Pode acreditar. Mesmo sem o espírito bragantino, sem rapé ou ordenação, seja lá de quem for. Mesmo nossa economia conquistando um lugar de destaque nomundo, jamais abandonamos  a precariedade, a corrupção, pesos e medidas arbitrários, a breguice, a incompetência, o assistencialismo, o nepotismo, o peculato, a demagogia, o simplismo, o coronelato com os mesmos coronéis de sempre e alguns outros tantos engrossando o cordão de bandidos no poder, a péssima educação, a total falta de seriedade e a eterna procrastinação. Ainda somos uma chula capitania hereditária, querido amigo.”

Segundo seu site oficial, Manifesto do Nada na Terra do Nunca será lançado no Rio de Janeiro (no dia 6 de maio, na Livraria Travessa), em Brasília (no dia 13, na Fnac ParkShopping) e em São Paulo (no dia 22, na Saraiva Ibirapuera).

Fonte: Terra

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade