inclusão de arquivo javascript

 
 

Bienal do Livro do RJ atrai público recorde

16 de maio de 2005 07h15 atualizado às 07h15

A 12ª Bienal Internacional do Livro do Rio de Janeiro, o maior evento cultural da cidade, registrou um público recorde neste fim de semana.

Especial 12ª Bienal do Livro do RJ

De acordo com o telejornal Bom Dia Brasil, 100 mil pessoas passaram pelos três pavilhões do Riocentro.

No sábado, Cora Ronai e Millôr Fernandes estiveram entre os escritores de destaque. Fernandes debateu Marcel Proust com o ilustrador Stéphane Heuet, autor da versão em quadrinhos de Em Busca do Tempo Perdido.

A literatura da França, país homenageado neste ano, teve bastante destaque neste domingo. O escritor Luiz Fernando Veríssimo deu uma concorrida palestra sobre autores clássicos franceses.

Outra atração concorrida na ala francesa da Bienal foi a distribuição gratuita de trufas, croissants e outras delícias da culinária do país.

A Bienal é um investimento de R$ 18 milhões dividido entre o Sindicato Nacional dos Editores de Livros (Snel) e os expositores.

Redação Terra