publicidade
17 de janeiro de 2013 • 02h55 • atualizado às 08h51

Vencedora do The Voice, Ellen Oléria emociona em show da Banda Eva

A ideia do encontro foi da produção do Festival de Verão de Salvador
Foto: Felipe Souto Maior / AgNews
  • Direto de Salvador
 

Vencedora do reality show The Voice Brasil, Ellen Oléria dominou o público em sua participação no show da Banda Eva. Convidada de Saulo Fernandes, que se despede do grupo no Carnaval, a brasiliense subiu ao palco para cantar Zumbi, canção de sua autoria que a consagrou no programa da TV Globo. A ideia do encontro foi da produção do Festival de Verão, e os dois só se conheceram na última segunda-feira, durante o ensaio para a apresentação de hoje. "Eu fiquei bestificado quando a vi cantar. Ela é uma artista completa", elogiou Saulo.

Antes de se apresentar no palco principal da festa, Ellen Oléria falou com exclusividade ao Terra. Apesar de ter alcançado a fama nacional a pouco tempo, a cantora já teve experiências que a prepararam para o estrelato. Ela tocou em grandes festivais em Brasília, Belém, Belo Horizonte,mas afirma que nada se comparou ao público do Revéillon de Salvador, ao lado de Carlinhos Brown. "Depois daquilo eu acho que fiz meu dever de casa e estou pronta para subir a qualquer palco que me surja. Mas eu sei que o que passa por aqui pelo Festival tem muito do que vai ser ouvido durante o ano, e não é forte só para quem está presente, mas porque é muito multiplicado para o país todo", afirmou.

Ellen afirma viver "um sonho dentro de um sonho" até sábado, já que subirá ao palco num evento onde também se apresentam muitas de suas referências musicais, como Lazzo Matumbi, O Rappa, Ana Carolina e Otto. Mesmo assim, ela não teme o crescimento excessivo do sucesso. "A minha música e o meu sucesso precisam caminhar juntos. Minha música é maior do que eu é vai me ajudar a construir meu sucesso e meu talento", disse.

Para os novos tempos, a cantora diz que o grande desafio e ter sabedoria diante de tantas oportunidades. "Não posso chamar as coisas de minhas assim que elas chegam. Tenho que prestar atenção nas pessoas, aproveitar o privilégio de estar perto de Brawn, conhecer Saulo, trocar e aprender", declarou.

Com um sorriso no olhar, Ellen Oléria diz que é motivo de orgulho e alegria ser uma mulher negra que vai à frente da música brasileira, com seu rosto estampado em revistas e jornais. Ela explica que a sua imagem, nada estereotipada, estar presente em tantas revistas e jornais, é algo grandioso. "Eu levo muitas meninas que se parecem comigo nessa trajetória. A minha voz é voz de muitas, e isso não é uma questão de levantar bandeira, mas de quem eu sou", finalizou.

Especial para Terra