0

Ator de 'Os Sopranos' teve relógio roubado logo após sua morte

7 ago 2013
10h20
atualizado às 10h33
  • separator
  • 0
  • comentários

James Gandolfini teve o relógio roubado horas depois de sua morte, no dia 19 de junho, segundo informações do site TMZ. O objeto da marca Rolex, avaliado em aproximadamente R$ 7 mil, teria sido levado do quarto do hotel onde ele estava hospedado no dia de sua morte. 

<p>James Gandolfini teve seu Rolex roubado em Roma</p>
James Gandolfini teve seu Rolex roubado em Roma
Foto: Getty Images

Documentos do seguro apontam que não houve sinal de arrombamento ou entrada forçada no local. Não há uma lista de suspeito nos registros, mas acredita-se que alguém tenha levado o objeto durante a movimentação de pessoas no momento em que o ator teve um infarto. 

O protagonista da série de TV Os Sopranos morreu em Roma. Ele foi submetido a inúmeras tentativas de ressuscitação mesmo depois de chegar já morto ao hospital, segundo fontes médicas.

Gandolfini estava na Itália com a família e participaria do encerramento do 59º Festival de Cinema de Taormina, na Sicília. 

Nascido em Nova Jersey, Gandolfini começou a atuar no teatro de Nova York, fazendo sua estreia na Broadway em 1992, com o revival de Um bonde chamado desejo, ao lado de Jessica Lange e Alec Baldwin.

Ele fez o diretor da CIA Leon Panetta no filme A hora mais escura e foi visto este ano na comédia The Incredible Burt Wonderstone, seu último papel no cinema.

Trompetista e saxofonista amador, Gandolfini se inspirou na carreira de Robert de Niro para se tornar ator. Ele deixou a mulher, Deborah Lin, com quem se casou em 2008. Também deixou um filho, Michael, que teve com a primeira mulher, Marcy Wudarski.

Fonte: Terra
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade