0

"Mara Manzan marcou minha vida", diz Juliana Alves

13 nov 2009
12h46
atualizado às 15h14
Érico Aires
Direto de São Paulo

"A Mara era uma pessoa incrível e sua perda é de valor inestimável. Ela é um marco na minha vida!" Foram essas as primeiras palavras da atriz Juliana Alves, por e-mail para a reportagem do Terra , sobre a atriz Mara Manzan, que morreu nesta sexta-feira (13).

Juliana, que contracenou com Mara na novela global Caminho das Índias , disse que a ausência da atriz vai marcar, sobretudo, pela amizade e pela experiência que passava. "Vamos sentir muita falta dos seus conselhos e puxões de orelha. Ela nos ensinou muito."

No e-mail, que é assinado também pelo namorado da atriz, Guilherme Duarte, eles também falam sobre a proximidade que tinham com Mara. "A gente, particularmente, sente muito porque acompanhamos de perto a sua luta e nos sentimos um pouco impotentes por não termos conseguido encontrar a cura definitiva para uma pessoa tão especial para nós."

Juliana acompanhou todos os altos e baixos de Mara Manzan durante as gravações da novela de Glória Perez e disse se sentir menos triste por saber que a amiga parou de sofrer. "O que nos consola é saber que ela agora está em paz!"

Mara morreu nesta sexta-feira, às 8h15. Ela tinha 57 anos e estava internada desde o último sábado (7) no Hospital Rio's D'Or, no Rio de Janeiro, por conta de complicações no tratamento de um câncer no pulmão.

A atriz já havia sido internada no início de outubro no Hospital São Vicente, na Gávea, também no Rio, com pneumonia. Ela lutava desde 2008 contra um câncer de pulmão que chegou a obrigá-la a se manter afastada das gravações da novela Caminho das Índias , no início deste ano.

Juliana Alves e Guilherme Duarte lamentaram a perda da amiga
Juliana Alves e Guilherme Duarte lamentaram a perda da amiga
Foto: Philippe Lima / AgNews
Redação Terra

compartilhe

publicidade
publicidade