inclusão de arquivo javascript

 
 

Canavial de Paixões consegue manter boa audiência

16 de novembro de 2003 13h36 atualizado às 13h51

Bianca Castanho e Gustavo Haddad são os pombinhos da trama. Foto: Gilberto Marques/Virgulando

Bianca Castanho e Gustavo Haddad são os "pombinhos" da trama
Foto: Gilberto Marques/Virgulando

Não há meio-termo em relação a Canavial de Paixões. A trama do SBT é do gênero "ame-a ou deixe-a". Na hipótese de ser um caso de amor, deve ser daqueles bem cegos. Afinal, a iluminação chapada, os cenários artificiais e as múltiplas sombras que acompanham os atores nas imagens de estúdio dão um quê de "trash" ao acabamento. E só mesmo com uma ingenuidade bem romântica para levar a sério o texto da novela, o menos ousado entre as produções adaptadas da Televisa. Se estas características forem percebidas e incomodarem, o melhor é partir para a segunda alternativa e abandoná-la.

Mas se os clichês não incomodam, conclui-se que "quem ama o feio, bonito lhe parece". Daí Canavial de Paixões manter desde a estréia a média de 12 pontos no ibope. No capítulo em que houve a mudança de fase da história, a novela teve média de 13 e picos de 15 pontos. Uma audiência respeitável para o horário que coincide com Jornal Nacional e Celebridade.

O pulo de 15 anos serviu para incluir atores jovens na trama, mercadoria em falta na primeira fase. E houve ganhos e perdas com as aquisições. Por um lado, a protagonista Bianca Castanho está à vontade no papel da conflitada Clara. Por outro, não se pode dizer o mesmo de Gustavo Haddad. O ator está tímido em sua interpretação e o personagem não ajuda em nada. O figura é o "Esteban de Canavial". Paulo ficou 15 anos fora de sua cidade natal e após regressar não se lembra de nada nem de ninguém. Nem da amiguinha de infância, da qual ele não desgrudava e se transformou na louraça protagonista. Cruel. Thierry Figueira consegue explorar convincentemente a rejeição do personagem João de Deus. Bruna Teddy também está incorporando muito bem a estereotipada vilãzinha Regina.

O passar dos anos na trama, no entanto, não foi sentido para a maioria dos personagens remanescentes da primeira fase. As mudanças são tão pequenas que só sendo detalhista para notar. Debora Duarte e Helena Fernandes mudaram o corte de cabelo e Oscar Magrini adicionou alguns fios brancos à barba e ao cabelo. O chato, porém, é que apesar de a novela ter mudado de fase, a maioria dos personagens vive no passado em vez de tocar a trama no presente. Além da "overdose de flash-backs", a nova fase está com muitas cenas gravadas em estúdios e poucas em externas, o que deixa ainda mais evidente o estilo de produção em série do SBT.

Se em Celebridade acabou-se tendo de diminuir os palavrões, em Canavial esta possibilidade inexiste. Pelo contrário. Em um capítulo inteiro é possível não se ver sequer um beijo, muito menos um "amasso" aos moldes do bombeiro Vladimir e suas voluptuosas manicures da novela das oito. Sem chance. Em uma cena, a matriarca vivida por Débora Duarte dispensa uma visita indesejável dizendo "neste horário temos o hábito de sentar à mesa para jantar". Frase sob medida para um público evidentemente mais chegado ao tradicionalismo dos dramalhões. No quesito canastrice, o que é uma qualidade neste tipo de novela, justiça seja feita. Oscar Magrini está tão bem quanto Débora Duarte. O ator está impagável com a barba à la Tony Ramos e emprestando um ar contido ao seu vilão.

Aliás, o desnível entre o elenco adulto e o jovem é notável. O que indica que os profissionais mais experientes estão sobrevivendo melhor ao acelerado pique de gravação do SBT. Com mais bagagem, eles se aproximam mais rapidamente dos tons de seus personagens. Ana Cecília, por exemplo, tem de melhorar em muito na pele de Mirela. O ator Sidney Sampaio, que faz o galãzinho Guilherme, também necessita de ajuda. No entanto, é o ator Jonas Mello que sempre rouba a cena, mesmo na pele de um padre, personagem manjado dos dramalhões.

O que para os amantes deste tipo de novela é adorável, pode parecer sacrílego para os que não sintonizam em Canavial. Ter um final de trama fechado, por exemplo. Para quem gosta, é importante saber que, inexoravelmente, no último capítulo os pombinhos de Bianca Castanho e Gustavo Haddad estarão finalmente arrulhando juntinhos. O problema é que os atores não têm a menor química juntos, por mais que seus destinos já estejam traçados.

TV Press
  1. O elenco da novela se reuniu no Jockey Club (SP) para acompanhar o primeiro capítulo da trama  Foto: Gilberto Marques/Virgulando

    O elenco da novela se reuniu no Jockey Club (SP) para acompanhar o primeiro capítulo da trama

    Foto: Gilberto Marques/Virgulando

  2. O abraço carinhoso de Débora Duarte e Jandir Ferrari  Foto: Gilberto Marques/Virgulando

    O abraço carinhoso de Débora Duarte e Jandir Ferrari

    Foto: Gilberto Marques/Virgulando

  3. Na trama, Débora Duarte vive Teresa Giácomo, uma mulher fria e vingativa; Jandir Ferrari é Fausto Santos, um poderoso dono de canaviais  Foto: Gilberto Marques/Virgulando

    Na trama, Débora Duarte vive Teresa Giácomo, uma mulher fria e vingativa; Jandir Ferrari é Fausto Santos, um poderoso dono de canaviais

    Foto: Gilberto Marques/Virgulando

  4. De visual novo, Oscar Magrini também está na nova trama do SBT  Foto: Gilberto Marques/Virgulando

    De visual novo, Oscar Magrini também está na nova trama do SBT

    Foto: Gilberto Marques/Virgulando

  5. Revelação de Malhação, Bianca Castanho chega ao SBT para interpretar Clara Santos  Foto: Gilberto Marques/Virgulando

    Revelação de Malhação, Bianca Castanho chega ao SBT para interpretar Clara Santos

    Foto: Gilberto Marques/Virgulando

  6. Thierry Figueira e Jandir Ferrari em clima de muita alegria  Foto: Gilberto Marques/Virgulando

    Thierry Figueira e Jandir Ferrari em clima de muita alegria

    Foto: Gilberto Marques/Virgulando

  7. Depois de algum tempo afastada das telinhas, Débora Duarte está de volta em Canavial de Paixões  Foto: Gilberto Marques/Virgulando

    Depois de algum tempo afastada das telinhas, Débora Duarte está de volta em Canavial de Paixões

    Foto: Gilberto Marques/Virgulando

  8. Bianca Castanho e Jandir Ferrari com o elenco mirim da novela  Foto: Gilberto Marques/Virgulando

    Bianca Castanho e Jandir Ferrari com o elenco mirim da novela

    Foto: Gilberto Marques/Virgulando

  9. Na mesma segunda (13), o elenco de Canavial de Paixões se reuniu em SP para acompanhar o primeiro capítulo da nova novela do SBT. <a href=http://exclusivo.terra.com.br/interna/0,,OI160020-EI1118,00.html class=textolinkbold target=_blank>Leia mais</a>  Foto: Gilberto Marques/Virgulando

    Na mesma segunda (13), o elenco de Canavial de Paixões se reuniu em SP para acompanhar o primeiro capítulo da nova novela do SBT. Leia mais

    Foto: Gilberto Marques/Virgulando

/gente/foto/0,,00.html