inclusão de arquivo javascript

 
 

SBT estréia "Casamento à Moda Antiga" neste domingo

11 de dezembro de 2005 16h37 atualizado às 16h38

Caroline é jornalista e tem 23 anos. Ela é uma das pretendentes de Sandro . Foto: SBT/Divulgação

Caroline é jornalista e tem 23 anos. Ela é uma das pretendentes de Sandro
Foto: SBT/Divulgação

Um "reality-show" picante. A proposta do SBT começa a ser levada ao ar a partir do dia 11 de dezembro, com o programa Casamento à Moda Antiga. Inspirado no americano Married by America, exibido em 2003 nos Estados Unidos pela Fox, funcionará na versão brasileira com regras bem diferentes do original.

Veja fotos dos participantes!

A mecânica é semelhante à do Big Brother, da Globo, e começa com 12 participantes confinados em uma casa. A diferença básica fica por conta da divisão dos participantes em casais dispostos a encontrar um par romântico. Além disso, o novo programa do SBT promete, assim como o Big Brother, exibir muitas cenas picantes protagonizadas pelos participantes - só não serão mostrados os atos sexuais propriamente ditos. "A idéia é colocar água na boca do público e deixá-lo imaginar o que aconteceu", instiga Galvão França, radialista e diretor do Casamento à Moda Antiga.

O nome do programa, segundo Galvão, tem como inspiração "os casamentos das antigas", onde os parentes escolhiam os pretendentes para seus filhos ou filhas, exatamente como acontece no programa. Só que a idéia de um matrimônio nessas condições, se levado em conta o caráter religioso, jamais permitiria uma relação mais íntima entre o casal antes da célebre frase: "Eu os declaro marido e mulher".

Em relação à questão, o diretor deixa todas as tradições de lado e, com ousadia, afirma que, mesmo naquela época, muitas pessoas já não casavam virgens. "Pode soar ofensivo, mas muitos noivos, já naquele tempo, não ligavam para a castidade", acredita.

Polêmicas à parte, Casamento à Moda Antiga será apresentado por Sílvio Santos nas noites de domingo, às 22h30, e pelo jornalista Jorge Kajuru, de segunda a sexta, às 22h. "Para quem acha que entendo só de esporte, se engana. Vocês verão o que eu estou dizendo", valoriza o ex-integrante do programa Fora do Ar, do SBT.

Toda a primeira parte do programa já foi gravada anteriormente. Nela, os participantes foram escolhidos entre mais de 20 mil candidatos, entre homens e mulheres que estão à procura de sua "alma gêmea".

A partir desses inscritos, a equipe de produção seleciona os dois concorrentes que acha mais interessantes - no caso, Sandro e Náira - e seleciona para cada um deles cinco noivas e cinco noivos. Este número é reduzido a três por escolha dos padrinhos-parentes ou amigos de cada candidato. Quem decide o pretendente "ideal" entre os três restantes é uma platéia montada pela produção. Desse jeito, foram criados os dois casais que vão ficar dentro da casa na primeira semana.

Na semana seguinte, mais dois casais são escolhidos e entram na casa até formarem os seis casais. A partir da quarta semana, os dois primeiros casais que entraram na casa saem, estejam noivos ou não, e outros dois casais os substituem - e assim o programa pode durar indefinidamente. Se o casal que deixa o programa emplacar, o SBT paga as despesas com o casório, a lua-de-mel e ainda dá um presente de R$ 5 mil durante um ano para o casal. "Daí por diante, a busca pela felicidade é com eles", brinca Kajuru.

Essa rotatividade, segundo Galvão, será a inovação de Casamento à Moda Antiga pois permitirá, inclusive, a troca dos pares originais. O diretor destaca também que, durante o programa, diversos jogos e brincadeiras darão prêmios aos casais, como passeios de lancha e ingressos para shows, entre outros.

Além disso, Galvão afirma que haverá um bangalô dentro da casa destinado a encontros mais íntimos, que serão flagrados pelas câmaras existentes no complexo. "Tudo, dentro de um certo limite, será visto pelo público", atiça Galvão.

TV Press