inclusão de arquivo javascript

 
 

Vlasak "agradece de joelhos" papel em Prova de Amor

14 de janeiro de 2006 11h14 atualizado às 11h44

Lavínia Vlasak como Clarice grava cena de  Prova de Amor. Foto: Jorge Rodrigues Jorge/TV Press

Lavínia Vlasak como Clarice grava cena de Prova de Amor
Foto: Jorge Rodrigues Jorge/TV Press

Na Record, a atriz Lavínia Vlasak está sentindo na pele o peso de ser uma protagonista. Ao todo, a intérprete de Clarice na novela Prova de Amor grava diariamente uma média de 17 cenas, de segunda a sábado. Uma jornada longa, que tem início por volta de 11 h e só termina, em média, após às 21h. "É realmente pesado, mas é uma personagem que eu agradeço de joelhos. Isso faz parte, é normal", minimiza.

Veja fotos

E a atriz tem mesmo motivos de sobra para agradecer. A novela, que estreou no final de outubro do ano passado, alcançou ótimos índices de audiência e já está na cola de Bang Bang, da Globo. Na última semana, a trama de Tiago Santiago atingiu sua maior média, com picos de 22 pontos, apenas sete atrás da concorrente.

Para Lavínia, um dos segredos do sucesso de Prova de Amor é o entrosamento do núcleo formado por Clarice, sua mãe Beatriz e a irmã caçula Janice, interpretadas por Esther Góes e Fernanda Nobre, respectivamente. "A Esther é uma atriz fabulosa, uma companheira de cena fantástica. E a Fernandinha é uma fofa! A gente se sente realmente meio família quando pisa aqui no set. É a 'casa das calcinhas'", brinca.

Apesar do ambiente descontraído, Lavínia se mantém concentrada durante as gravações. Se achar que uma cena não ficou boa o suficiente, por exemplo, a atriz pede para regravá-la até se convencer do contrário. Em geral, sua presença no estúdio é marcante. Para Lavínia, isso só é possível porque há uma identificação muito forte entre ela e a personagem.

"Eu me sinto muito confortável na pele da Clarice. A consciência ecológica dela, essa coisa de não jogar o lixo na praia, de olhar para o mar e falar 'Meu Deus, essa Baía de Guanabara há pouco tempo ainda tinha golfinhos'. Fora que eu sou uma pessoa romântica. É uma coisa que a Clarice prioriza", compara.

Sobre o drama da personagem, Lavínia admite que, felizmente, nunca passou por nenhum dos grandes dilemas de Clarice. "Chego em casa com uma certa dor de cabeça de tanto chorar. Não sou mãe, mas deve ser a pior dor do mundo você perder um filho", avalia a atriz.

A oportunidade de fazer uma protagonista pela primeira vez motivou Lavínia a reavaliar toda a sua trajetória na televisão. "Quando recebi o convite eu pensei: 'Nossa, depois de dez anos agora é que vou fazer a minha primeira protagonista'. Realmente nunca tinha parado para avaliar", revela.

Nos próximos capítulos, a trama de Tiago Santiago começa a entrar no clímax da história. Nos bastidores, a expectativa está voltada para o casamento de Clarice com Lopo, personagem de Leonardo Vieira. Só para as cenas do casamento, que vão ao ar a partir da próxima segunda, dia 16, serão necessários três dias de gravação externa, com presença de 90 figurantes.

"O Tiago deu uma segurada na história por causa dessa época de fim de ano, mas agora vai soltar a trama. Retomamos as externas, o jogo de gato e rato entre o Lopo e o Daniel, os gêmeos vão se encontrar. A gente vai brincar muito com isso", adianta o diretor da novela, Alexandre Avancini.

Para Lavínia, os próximos capítulos darão um novo rumo à história. "A Clarice praticamente não vive. Agora é que ela deu uma animadinha porque descobriu que o Daniel está vivo. Ela só existe para poder achar a filha", explica. O encontro de Clarice com sua filha Nininha, vivida por Júlia Maggesse, certamente marcará grandes mudanças na vida da personagem.

TV Press