inclusão de arquivo javascript

 
 

Confira todos os ganhadores do Prêmio APCA 2003

16 de dezembro de 2003 12h39 atualizado às 13h24

Minissérie  A Casa das Sete Mulheres  levou o Grande Prêmio da Crítica na categoria TV. Foto: Divulgação

Minissérie A Casa das Sete Mulheres levou o Grande Prêmio da Crítica na categoria TV
Foto: Divulgação

Cerca de 70 jornalistas pertecentes à Associação Paulista de Críticos de Artes (APCA), representando as principais publicações de São Paulo, se reuniram na noite desta segunda-feira, na sede do Sindicato dos Jornalistas, para eleger os melhores do ano nas seguintes categorias: artes visuais, cinema, dança, literatura, literatura infantil, MPB, música erudita, rádio, teatro e televisão.

Os prêmios - um troféu-escultura criado especialmente para a APCA pelo artista plástico Francisco Brennand - serão entregues em cerimônia oficial na noite de 29 de março, no Teatro Municipal.

Confira aqui a lista de premiados:
Artes Visuais
Grande Prêmio da Crítica: Albert Eckout volta ao Brasil
Exposição internacional: Tate: a Bigger Splash
Curadoria: Tadeu Chiarelli, por Novecento Sudamericano
Retrospectiva: Samson Flexor
Exposição nacional: Claraluz, de Regina Silveira
Ação cultural: 1ª Quadrienal Internacional de Aquarela
Escultura: Franz Krajcberg, pelo conjunto da obra
Votaram: Ana Weiss, Antonio Santoro Jr, Dalva de Abrantes, Enock Sacramento, Ivo Zanini, Jorge Anthonio, Luiz Ernesto Kawall, José Henrique Fabre Rolin, Maria Hirszman e Radhá Abramo

Cinema
Melhor filme: O Homem que Copiava, de Jorge Furtado
Melhor direção: Amarelo Manga, de Cláudio Assis e montagem Paulo Sacramento
Melhor ator: Wagner Moura, por Deus é Brasileiro
Melhor atriz: Simone Spoladore, por Desmundo
Melhor documentário: Nelson Freire, de João Moreira Salles
Melhor roteiro: Separações, de Domingos de Oliveira
Votaram: Alessandro Giannini, Christian Petterman, Cléber Eduardo, Luiz Carlos Merten, Luiz Vita, Maria do Rosário Caetano, Mariane Morisawa, Marcelo Hessel, Marcos Pinho, Neusa Maria Barbosa, Orlando Margarido, Paulo Santos e Walter Cezar Addeo

Dança
Atuação na área de jornalismo: Evaldo Mocarzel, ex-editor do Caderno 2 do O Estado de S.Paulo
Política cultural: Braços e Pernas pela Cidade
Prêmio Estímulo em Dança: CCSP
Categoria coletivo independente: Mobilização Dança
Categoria projeto editorial: Editora Anablume, pela Coleção Leituras do Corpo
Revelação do ano: Ângelo Madureira e Ana Catarina, por Brasílica
Criação-intérprete: Ângela Nolf e Deborah Furquim, por Espaço Vazado, e Cristian Duarte, por Alta Necessidade
Votaram: Fabiana Dultra Brito, Karla Dunder, Kátia Calsavara, Helena Katz e Marcos Bragato

Literatura
Melhor romance de 2003: Mongólia, de Bernardo Carvalho
Poesia: Obra Reunida, de Álvaro Alves de Faria
Contos: O Vôo da Madrugada, de Sérgio Sant'Anna
Ensaio: Céline e a Ruína do Velho Mundo, de Dau Bastos
Tradução: Donaldo Schüler, por Finnegan's Wake
Projeto editorial: Nélson de Oliveira, fomentador da Geração 90
Votaram: Dirce Lorimier Fernandes, Haroldo Cerávolo Sereza, Marcelo Pen, Nelly Novaes Coelho e Ubiratan Brasil

MPB
Melhor disco: À Procura da Batida Perfeita, de Marcelo D2
Melhor cantora: Maria Bethânia, por Brasileirinho
Melhor cantor: Zeca Baleiro
Revelação: Lan Lan
Melhor compositor: Nando Reis
Melhor grupo: Los Hermanos
Projeto especial: Acerto de Contas, de Paulo Vanzolini
Votaram: Ana Paula Alfano, Fernanda Teixeira, Inês Fernandes, José Flávio Jr, Lauro Lisboa Garcia, Marcus Preto, Pedro Alexandre Sanches, Ricardo Alexandre e Sérgio Martins

Música Erudita
Grande Prêmio da Crítica: compositor Almeida Prado
Prêmio especial: Rádio Cultura FM
Melhor CD: Lembranças de Amor, com música de Osvaldo Lacerda
Melhor conjunto de câmara: PIAP - Grupo de Percussão do Instituto de Artes do Planato
Maestro de ópera: Jamil Maluf, por Contos de Hoffmann
Melhor instrumentista de ópera: Fernando Lopes (piano) Melhor conjunto vocal de ópera: Collegium Musicum
Votaram: João Luiz Sampaio, Juvenal Fernandes, Luis Roberto Trench e Maria de Lourdes Sekeff

Rádio
Categoria jornalismo: Bandeirantes
Melhor jornalista esportivo do rádio: Juca Kfouri, da CBN
Melhor âncora-comunicador: José Paulo de Andrade, da Bandeirantes
Prêmio de Ação Social: "Jovem Pan Contra as Drogas"
Melhor programa de cultura/variedades: Eldorado AM com o programa São Paulo de Todos os Tempos
O melhor humorístico do rádio: Na Geral, da Bandeirantes
Melhor comentarista: Gilberto Dimenstein por seu trabalho na CBN
Votaram: Eduardo Ribeiro, José Paulo Lanyi, Marcos Ribeiro, Miriam Ramos, Pedro Serico Vaz, Sílvio Di Nardo e Tobias Jung

Teatro
Os críticos da área teatral decidiram-se por uma inovação. Escolheram seis espetáculos, que consideraram os melhores de 2003, e premiaram todos eles com o troféu da APCA de melhor peça, sem especificar as tradicionais categorias, como ator, atriz e direção. Assim, os seis premiados de teatro são os espetáculos Mire Veja (Cia. do Feijão), A Morte do Caixeiro Viajante (Felipe Hirsch), Otelo (Folias D'Arte), A Paixão Segundo G.H. (Enrique Diaz), A Poltrona Escura (Roberto Bacci) e Os Sertões, o Homem e a Terra (Zé Celso Martinez Correa).
Grande Prêmio da Crítica: Cleyde Yáconis pelo conjunto de suas atuações ao longo da carreira
Votaram: Afonso Gentil, Agnaldo Ribeiro da Cunha, Beth Néspoli, Edgard Olímpio de Souza, Kil de Abreu, Maria Lúcia Candeias, Marco Antonio Araújo, Mauro Fernando de Mello, Mônica Santos, Othoniel Fonseca Motta, Sérgio Sálvia Coelho e Valmir dos Santos

Teatro Infantil
Melhor diretor de 2003: Vladimir Capella, por seu trabalho em dois espetáculos infantis de 2003, Miranda e O Gato Malhado e a Andorinha Sinhá
Melhor espetáculo infantil: O Gato Malhado e a Andorinha Sinhá, produção de Cinthia Abravanel
Melhor espetáculo jovem: Piratas do Tietê, produção do Sesi
Melhor texto adaptado: Três Porquinhos, da Cia. Le Plat du Jour
Melhor ator: Alexandre Roit, por Piratas do Tietê
Melhor atriz: Ana Luíza Lacombe, por Faz e Conta - Fábulas de Esopo
Melhor cenografia: Guerra na Casa do João, por Duda Arruk e José Silveira
Votaram: Dib Carneiro Neto, Ethienne Jacinto e Mônica Rodrigues

TV
Grande Prêmio da Crítica: A Casa das Sete Mulheres
Categoria humor: Rock'n Gol, da MTV
Melhor programa: Cena Aberta, da Globo
Melhor ator: Dan Stulback, por Mulheres Apaixonadas
Melhor atriz: Nívea Maria, por A Casa das Sete Mulheres
Revelação: Pânico, de Rede TV1
Melhor entrevistador: João Gordo, da MTV
Votaram: Alessandra Porro, Cristina Padiglione, Edianez Parente, Fátima Cardeal, Kike Costa, Leão Lobo, Leila Reis, Ricardo Feltrin e Sílvio Testa

Redação Terra