2 eventos ao vivo
TV

'Lado a Lado' usa São Luís e Petrópolis para retratar RJ antigo

1 set 2012
08h21

MÁRCIO MAIO

Toda novela de época precisa de locações que remetam ao tempo abordado na ficção. Mas a equipe de Lado a Lado, história que substitui a espírita Amor Eterno Amor a partir do próximo dia 10, na Globo, teve dificuldades para encontrar um espaço no Rio de Janeiro que pudesse retratar a cidade no início do século passado, período em que a trama se passa. Na falta de condições propícias para resolver o problema na capital carioca, o diretor Dennis Carvalho acabou levando sua equipe para Petrópolis, na região serrana fluminense, e para São Luís, capital do Maranhão. "Petrópolis tem palácios e casarões muito bem preservados e o centro histórico de São Luís possui uma arquitetura que muito se assemelha a do Rio de 1904", explica Dennis.

A trama central conta a história de dois casais: Zé Maria e Isabel e Laura e Edgar. O primeiro é interpretado por Camila Pitanga e Lázaro Ramos e deve mostrar, entre outras coisas, como os negros sofreram para se inserir na sociedade nos primeiros anos após a abolição da escravidão no País e o surgimento do samba. Já o segundo é vivido por Marjorie Estiano e Thiago Fragoso. Laura e Isabel se conhecem no dia de seus casamentos e estabelecem uma relação de amizade que expõe alguns contrapontos. Isso porque ambas desejam a mesma coisa para o futuro: liberdade. Mas a partir de pontos de vista diferentes.

Laura quer trabalhar e estudar, não sonha em viver em função do marido. O que não combina com as expectativas da família de Edgar, filho de senador. Nem de Constância, mãe de Laura, personagem de Patrícia Pillar. Ela quer se reerguer de uma crise financeira e deposita nesse casamento sua última esperança. Já Isabel busca um futuro de igualdade para seus amigos negros, que foram despejados de um cortiço, fundando a favela do Morro da Providência, localizada na região central do Rio. "Sempre achei que a história do Brasil tem períodos ainda não explorados na ficção que merecem ser revistos. Além disso, ver uma novela leve e que fala de três grandes símbolos nacionais - a capoeira, o samba e o futebol - está sendo muito agradável", valoriza Lázaro.

Para as gravações em Petrópolis, a equipe ficou oito dias na cidade serrana. Entre os técnicos, elenco e figurantes, mais de 350 pessoas participaram dos trabalhos. Já no Maranhão, para 10 dias de atividades, esse número subiu para 850. Nas cenas, os telespectadores poderão ver com destaque o Centro Histórico de São Luís. "Aquele ambiente nos fez sentir como se estivéssemos de verdade no início do Século XX. Estar com a equipe longe de casa ajuda a criar um clima de cumplicidade e concentração. Aproveitei os dias fora de casa para reler os capítulos e me aprofundar nas minhas pesquisas", diz Camila.

De acordo com Dennis, as sequências rodadas em São Luís correram com tranquilidade. Só mesmo um detalhe atrapalhou a equipe, mas nada que não pudesse ser contornado. "Tivemos de enfrentar um grande calor em pleno mês de julho. Mas o resto foi bem simples. A Globo já gravou outras novelas lá, como Da Cor do Pecado, Cama de Gato e algumas cenas de O Clone", explica o diretor. Além das gravações fora do Rio, Lado a Lado conta com uma cidade cenográfica que reproduz o Centro carioca de 1904, nos arredores da famosa Rua do Ouvidor. E também outra, que retrata os primeiros anos da formação da comunidade do Morro da Providência.

Para abordar a questão do racismo, a novela investe bastante na amizade entre Isabel e Laura. Além de revoltar a baronesa Constância, a relação tão próxima acaba também fazendo com que Albertinho, papel de Rafael Cardoso e irmão de Laura, se apaixone por Isabel. Um sentimento que vai motivar ainda mais a vilania da mãe do rapaz e, é claro, garantir o triângulo amoroso entre ele, Zé Maria e Isabel. "Pelo texto, dá para ver que se trata de uma personagem batalhadora, uma mulher que está à frente de seu tempo. O sentimento entre ela e o Zé Maria é verdadeiro, mas esse amor deve passar por muitas provações", adianta Camila.

Camila Pitanga estará na trama centra da nova trama das seis, 'Lado a Lado'
Camila Pitanga estará na trama centra da nova trama das seis, 'Lado a Lado'
Foto: TV Globo / Divulgação
Fonte: TV Press
publicidade