0
TV

'Promessas de Amor' perde audiência ao abandonar realismo

14 mai 2009
16h29
Cássio Ramos interpreta o menino lobo Vavá em 'Promessas de Amor'
Cássio Ramos interpreta o menino lobo Vavá em 'Promessas de Amor'
Foto: Rede Record / Divulgação



A intenção de Tiago Santiago com Promessas de Amor, da Record, era manter seu público interessado por super-heróis, mutações genéticas e ainda atrair o espectador do melodrama tradicional, acostumado a assistir a histórias de casais apaixonados, que lutam para ficar juntos.

Só que a receita não tem tido muito êxito. Tanto que, a última parte da trilogia, que começou em 2007 com Caminhos do Coração, só tem marcado 10 pontos no ibope. Os Mutantes tinha média de 14 pontos e chegava a conquistar 16 de pico.

A emissora não descarta a possibilidade de o realismo fantástico voltar e algum super-herói dar uma forcinha à novela, caso a audiência não reaja. E a estratégia, mesmo não confirmada pelo autor, era que a mutação estaria no "canto da sala", esperando por uma convocação. O elenco composto por vampiros e criaturas bizarras, aliás, foi escolhido para que continuasse a ser bem representado.

Maytê Piragibe é um exemplo. A intérprete da vampira Nath, que apareceu em Os Mutantes, e se manteve até esta fase, mostra talento para conduzir a trama. Carla Diaz é outra que tem se destacado. Inclusive por estar cercada de tantas interpretações pasteurizadas no núcleo místico. Como Juno, a estreante na emissora é capaz de atrair mais atenção do que Nanda Ziegler, no papel de Bianca, e de outros mutantes fortes do núcleo, como Lino, de Mário Frias.

Embora Promessas de Amor não tenha sucesso de audiência, alguns atores têm defendido seus personagens de maneira bastante satisfatória. É o caso de Renata Dominguez. Mesmo com tantas aparições seguidas em novelas da Record, a intérprete da professora Sofia não possui os pudores exagerados das mocinhas de novela.

Ela tem conflitos diferentes das mocinhas usuais e precisa fugir das acusações do ex-cunhado de matar o antigo namorado. Paulo Figueiredo também acerta com a interpretação do ambicioso Camargo. Ao lado dele, Françoise Fourton dá conta de suas gêmeas Cristina e Estela.

Bianca Castanho, no entanto, parece ter perdido o rumo de sua personagem. A vilã e ex-prostituta Armanda parecia convencer nas primeiras semanas, ao lado de seu parceiro Nestor, vivido por Léo Rosa. Mas as armações perderam o tom, já que se tornaram extremamente fantasiosas. Histórias tão idiotas que só mesmo um bom-moço ingênuo pode acreditar. Mas a culpa não é de Bianca. Nem mesmo de Luciano Szafir, com seu "para sempre honesto" Amadeus. Parece que Tiago Santiago ainda não sabe que caminho tomar. Conquistar resultados no ibope e fazer de uma novela duas é uma árdua tarefa.

Fonte: TV Press
publicidade