TV

publicidade
21 de outubro de 2010 • 07h44

'As Cariocas' eleva audiência com cenas de nudez e sensualidade

Alinne Moraes é protagonizou o episódio 'A Noiva do Catete'
Foto: Divulgação
 

A estreia da série da Globo As Cariocas, inspirada na obra do escritor Sérgio Porto, não rendeu apenas bons números de audiência à emissora - 19 pontos, três a mais que o último episódio de A Cura. A história foi também sucesso no YouTube. Em menos de doze horas no ar, o vídeo do episódio A Noiva do Catete alcançou mais de 800 exibições. Tudo devido às cenas de nudez de Alinne Moraes.

Na pele (e pouca roupa) da Noiva do Catete, Alinne exalou sensualidade, espantando de pronto a "boa-mocice" herdada de Luciana, de Viver a Vida. Nádia, a noiva de um (Ângelo Antônio), afilhada de outro (Nelson Baskerville) e amante de tantos (entre eles, Pedro Nercessian), a fez mostrar calcinha, peito e bem mais.

Pincelando divertidas tiradas no recheio da história, como "mulher que fala feito criança geralmente costura pra fora" ou "se mulher fosse fácil o diabo não teria chifres", a narração estimulou o tom despudorado e descontraído do episódio.

No Twitter, muitas cariocas se manifestaram mostrando-se preocupadas em serem retratadas apenas pelo lado sensual. A conferir, terça-feira (27) próxima, com A Vingativa do Méier, interpretada por Adriana Esteves.

O Dia