0
TV

'Escrito nas Estrelas' estreia nesta segunda; conheça os personagens

12 abr 2010
07h16
Arcângela Mota

Os limites entre o plano físico e o espiritual tomam conta do horário das 18h da Globo a partir do dia 12 de abril. Escrito nas Estrelas, nova novela da emissora, estreia com a proposta de refletir sobre dois assuntos tão antigos quanto polêmicos: ciência e espiritualidade. Em um enredo que mistura anjos, espíritos e médicos, a trama criada por Elizabeth Jhin e dirigida por Rogério Gomes aborda questões como a vida após a morte e as implicações éticas do avanço da ciência genética. Tudo em função de uma história de amor. "A novela fala de inquietações transcendentais sentidas por todos nós e de um outro tema muito atual, que é a reprodução assistida. Acredito que sejam bons panos de fundo para uma bela história de amor", avalia a autora Elizabeth Jhin.

A abordagem da espiritualidade é feita a partir da morte de Daniel, personagem de Jayme Matarazzo, um jovem e dedicado estudante de Medicina que sofre um acidente fatal no primeiro capítulo da novela. Poucas horas antes de morrer, ele conhece Viviane, de Nathália Dill, uma moça pobre e batalhadora que foge da polícia ao ser acusada de um crime que não cometeu. Os dois criam uma afinidade imediata e Daniel promete ajudá-la. Mas, após um acidente na estrada, o carro em que estão capota e apenas Viviane sobrevive. Algum tempo depois, Daniel reaparece como espírito para ela. "Eles criam um laço muito forte, maior que amor ou amizade. Acho que isso é o mais interessante na história", opina Nathália.

Quem fica inconformado com a morte de Daniel é o pai do rapaz, o rígido e conceituado médico Ricardo Aguillar, interpretado por Humberto Martins. Dono de uma clínica de fertilização, Ricardo só encontra forças para seguir em frente após descobrir que o filho deixou seu sêmen congelado para pesquisas da faculdade. A partir de então, o médico fica obcecado em busca da mulher ideal para gerar seu neto, até que encontra Viviane. Só que, com o tempo, ele acaba se apaixonando pela moça. "O Ricardo é um personagem cético, muito apegado ao plano material. Age como se fosse muito poderoso por causa de sua profissão", analisa Humberto, que torce para que o tema levante discussões. "A inseminação artificial é uma questão em pauta na ética moderna. Espero que a história gere muitas polêmicas", empolga-se.

Mas nem só questões espirituais e científicas movem Escrito nas Estrelas. Como em todo folhetim, ambição e interesse continuam a ser os motores da trama. O inescrupuloso assistente Gilmar, de Alexandre Nero, planeja dar um golpe em Ricardo, seu patrão, utilizando a indefesa Viviane. De olho na fortuna do chefe, ele ameaça entregar a moça à polícia caso ela não se torne a mãe do filho de Daniel e, consequentemente, herdeira da família Aguilar. "O Gilmar pouco se importa com família e amor. Quer ganhar dinheiro a qualquer custo. Só espero que as pessoas não me batam nas ruas", brinca Alexandre.

De outro lado, mais uma dupla de vilãs promete tirar a paz dos protagonistas. Também interessadas no dinheiro de Ricardo, as gananciosas Sofia e Beatriz, personagens de Zezé Polessa e Débora Falabella, se atrapalham na criação de uma série de estratagemas para colocar a mão na fortuna do médico. Amigas da família, mãe e filha fazem de tudo para que Ricardo acredite que Beatriz é a candidata ideal a gerar o filho de Daniel. "A Beatriz forma uma dupla muito divertida com a mãe. É uma pessoa fútil que vai se tornar um empecilho na vida da Viviane", adianta Débora Falabella, que encara a primeira vilã de sua carreira. "Além de ser minha estreia como vilã, é a primeira personagem que faço com toques de humor. São duas coisas novas", comemora.

Humor das seis
Histórias leves e tramas bem-humoradas costumam ser as características principais das novelas das seis da Globo. E com Escrito nas Estrelas. não vai ser diferente. Apesar de tocar em temas densos, como a ética na ciência e a espiritualidade, a autora Elizabeth Jhin garante que tudo será feito de forma leve e com boas doses de comédia. "A espiritualidade tem de ser algo alegre. Por isso, a novela tem muitos núcleos cômicos e personagens engraçados", explica.

Uma das maiores apostas da trama com relação ao humor é o núcleo da família do vilão Gilmar, composta por um grande e animado grupo de pessoas. Morando em uma agitada vila no Rio de Janeiro, a família é encabeçada por Jovenil, de José Rubens Chachá, um aposentado simpático e certinho que só sai do sério com as malandragens de seu genro, o preguiçoso Jair, interpretado por André Gonçalves. "Tenho me divertido bastante. É ótimo ter a oportunidade de proporcionar alegria dentro de uma novela que traz uma história tão dramática e séria", pondera Chachá.

Mas o diálogo com o humor não se resume aos núcleos cômicos. Até mesmo os vilões da história vão mostrar um lado mais divertido. É o caso das fúteis e ambiciosas Sofia e Beatriz, de Zezé Polessa e Débora Falabella. "As duas têm características bem engraçadas. Nem todas as armações feitas por elas dão certo, o que deixa as coisas mais divertidas", comenta Zezé Polessa.

Conheça os personagens
Família Aguillar
Daniel (Jayme Matarazzo) - Estudante idealista de Medicina que sofre um acidente de carro fatal. Conhece Viviane pouco antes de morrer e fica encantado por ela. Ama o pai, Ricardo (Humberto Martins), mas não concorda com seus princípios.

Ricardo (Humberto Martins) - Pai de Daniel, é um médico renomado e dono de uma famosa clínica de fertilização. Rico e viúvo há 10 anos, ele não consegue se prender a mulher alguma. Após descobrir que o filho deixou o próprio sêmen congelado antes de morrer, dá início a uma busca pela mulher ideal para ser a mãe de seu neto. Acaba se apaixonando por Viviane.

Francisca (Cássia Kiss) - Mulher de Ricardo e mãe de Daniel. Morreu, há 10 anos, em um acidente dentro da casa de Petrópolis. Recebe o espírito do filho e ajuda a confortá-lo. Guarda um segredo que nunca foi totalmente revelado.

Núcleo de Viviane
Viviane (Nathália Dill) - Moça pobre e alegre que surge inesperadamente na vida de Daniel, com quem cria um rápido e forte laço. Após sobreviver ao acidente que matou o rapaz, ela é escolhida por Ricardo para gerar um filho a partir do sêmen congelado de Daniel. Ela só aceita a proposta após ser chantageada pelo vilão Gilmar (Alexandre Nero), que descobre que a jovem está foragida da polícia.

Jofre (Murilo Grossi) - Pai de Viviane. É viciado em jogo e rouba para pagar suas dívidas. Ao fugir da polícia, acaba incriminando a filha sem querer.

Núcleo da clínica
Gilmar (Alexandre Nero) - Assistente pessoal de Ricardo, é ambicioso e mau-caráter. Filho de Magali (Nica Bomfim) e Jovenil (José Rubens Chachá), tem vergonha de sua origem pobre. Mantém um namoro escondido com Suely (Giovanna Ewbank). Planeja enriquecer dando um golpe em Ricardo e, para isso, passa a chantagear Viviane.

Vicente (Antônio Calloni) - Melhor amigo de Ricardo, começa a trabalhar na clínica após a morte de Daniel. É um médico espiritualizado e de bom caráter, ao contrário de sua mulher Sofia (Zezé Polessa) e de sua enteada Beatriz (Débora Falabella).

Sofia (Zezé Polessa) - Mulher articulada e manipuladora, casada com Vicente e mãe de Beatriz. É mentora de todas as maldades cometidas pela filha.

Beatriz (Débora Falabella) - Filha de Sofia. Fútil e mimada, sempre foi apaixonada por Daniel e pelo dinheiro da família Aguillar. Faz de tudo para ser a escolhida de Ricardo para gerar o filho de Daniel.

Suely (Giovana Ewbank) - Linda e ingênua, vive um romance secreto com Gilmar. Trabalha como recepcionista na clínica.

Mariana (Carol Castro) - Estagiária de Psicologia da clínica. Divide um apartamento com a prima Luciana (Manuela do Monte) e a amiga Suely (Giovanna Ewbank). Se torna grande amiga e confidente de Viviane. Se interessa por Guilherme (Marcelo Faria).

Jane (Gisele Fróes) - Médica apaixonada por Ricardo, com quem vive um relacionamento complicado. É uma mulher independente, mãe de dois filhos e que se desdobra para dar conta de todas as responsabilidades.

Guilherme (Marcelo Faria) - Chefe do laboratório da clínica, é médico e amigo de Ricardo. Também trabalha no posto médico da comunidade. Pai de duas crianças, ele começa a ter problemas no casamento.

Virgínia (Bel Kurtner) - Psicóloga da clínica.

Núcleo suburbano
Jovenil (José Rubens Chachá) - Marido de Magali (Nica Bomfim) e pai de Gilmar, Luciana (Manuela do Monte), Fabiana (Ana Paula Bouzas) e Alex (Izak Dahora). Aposentado, é uma espécie de síndico da vila onde mora sua família. Vive às voltas com o preguiçoso genro Jair (André Gonçalves).Magali (Nica Bonfim) - Mulher de Jovenil, está sempre disposta a se sacrificar pela família, sem perder o bom humor.

Fabiana (Ana Paula Bouzas) - Casada com Jair, é mãe de três filhos, com quem mora na casa dos pais.

Jair (André Gonçalves) - Marido de Fabiana (Ana Paula Bouzas), é um típico malandro. Vive desempregado e vai morar na casa dos sogros.

Núcleo de Copacabana
Madame Gilda (Jandira Martini) - Sobrevive de seus supostos poderes de vidente. Meio charlatã, mas intuitiva, se surpreende quando começa a "ouvir" o espírito de Daniel. Mora com a irmã Zenilda (Walderez de Barros).

Zenilda (Walderez de Barros) - Mulher mal-humorada que vive criando confusões com a irmã Gilda por não acreditar que ela seja vidente. Viúva há anos, sonha em encontrar um novo amor.

Mundinha (Rosane Gofman) - Costureira jovial e solteirona que sonha em se casar. É educada e um pouco esnobe.

Núcleo espiritual
Athael (Carlos Vereza) - Espírito de luz que recebe Daniel após sua morte.

Seth (Alexandre Rodrigues) - Anjo da guarda de Daniel, ensina ao rapaz como aproveitar as vantagens do plano espiritual.


Jayme Matarazzo é Daniel, que morre logo no início da novela e volta como espírito
Jayme Matarazzo é Daniel, que morre logo no início da novela e volta como espírito
Foto: João Miguel Júnior/TV Globo / Divulgação
Fonte: TV Press

compartilhe

publicidade
publicidade