0
TV

Joelmir Beting é o criador do "gol de placa" e da placa do gol

29 nov 2012
08h00
atualizado às 10h30
  • separator
  • comentários

Joelmir Beting, que morreu aos 75 anos na madrugada desta quinta-feira (29), marcou seu nome na história ao criar a expressão "gol de placa", após uma partida entre Santos e Fluminense, no Maracanã (Rio de Janeiro), no dia 5 de março de 1961. A quatro minutos do final do jogo, vencido pelos santistas por 3 a 1, Pelé dominou a bola no campo de defesa e driblou seis adversários antes de mandar para o gol. Joelmir trabalhava no jornal O Esporte e ficou tão impressionado que mandou fazer uma placa de bronze para colocar no saguão do estádio, com os dizeres: "neste estádio, Pelé marcou no dia 5 de março de 1961 o tento mais bonito da história do Maracanã".

Joemir Beting morreu na madrugada desta quinta-feira (29), em São Paulo
Joemir Beting morreu na madrugada desta quinta-feira (29), em São Paulo
Foto: Fabrício Maruxo / Futura Press


A partir de então, os jornalistas de rádio começaram a usar a expressão "gol de placa" sempre que achavam que o feito de um jogador era um gol merecedor de aplausos. 

Em agosto de 2011, em entrevista ao programa Jogo Aberto, da Band, o jornalista explicou o acontecido: "eu não sou o autor da expressão 'gol de placa' no futebol, eu sou o autor da placa do gol, e o Pelé o autor do gol que ganhou a placa. Eu que tive a ideia, eu que fiz a placa e paguei com o dinheiro do meu bolso. Em nome do meu jornal, fui ao Maracanã, e a instalei. A partir daquele dia, todo o pessoal dos jornais de rádio começou a dizer: 'este gol também merece uma placa. Parece um gol de placa'. Daí veio a expressão 'gol de placa', que hoje é do vocabulário comum. Virou uma expressão popular não só para falar de futebol. Quando completou 50 anos do 'gol de placa', o Pelé me deu uma placa de acrílico. Eu fiz a de bronze e ele me devolveu a de acrílico com outro texto: 'gratidão eterna ao Joelmir Beting. Gratidão eterna do autor do gol de placa ao autor da placa do gol'.

Joelmir Beting morreu à 0h55, em consequência de um acidente vascular encefálico hemorrágico (AVE) ocorrido no último domingo (25). Ele estava internado desde o dia 22 de outubro, no Hospital Albert Einstein,em São Paulo, por causa de complicações renais, resultantes de uma doença autoimune.

 

Fonte: Terra

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade