PUBLICIDADE

"Hebe e morte é uma parceria que não deu certo", diz Galisteu

29 set 2012 23h12
| atualizado às 23h13
Publicidade
Nathália Salvado
Direto de Fortaleza

Em seu camarim, uma hora antes de entrar no palco para apresentar o Miss Brasil, neste sábado (29), Adriane Galisteu recebeu um pequeno grupo de jornalistas e falou sobre a perda da grande amiga Hebe Camargo. "Para mim, Hebe e morte é uma parceria que não deu certo", afirmou.

Infográfico: Conheça as candidatas ao Miss Brasil 2012
Infográfico: Descubra para qual time as misses torcem
Infográfico: Você sabe de qual estado é a miss? Faça o quiz e descubra
Infográfico: Quais as misses mais bonitas, as de 2011 ou as de 2012?

"Vai ser duro. Meu chão caiu quando eu recebi essa notícia hoje de manhã. Eu estava no hotel, na piscina com o Vittório, super feliz. De repente, Fortaleza perdeu a cor. Fiz um balanço da minha vida com ela. Ela não tem ideia da falta que vai fazer", afirmou. "Mas, como ela mesmo disse, o show tem que continuar", disse.

No primeiro bloco do Miss Brasil 2012, Adriane Galisteu fará uma rápida homenagem a apresentadora e a atração exibirá um vídeo sobre a carreira de Hebe Camargo. "Eu fiquei aqui pensando no que eu ia falar, mas eu não sei. Eu vou ter que falar rapidamente. Estou preocupada de chorar, porque eu já chorei tanto", declarou.

Galisteu também disse que não sabe se chegará em tempo para acompanhar o enterro da apresentadora. "O que mais me machuca é não estar lá. Meu voo é às 8h. Eu tentei mudar para às 2h, mas eu estou como Vittório, vim com a minha mãe, não deu. Eu vou ao cemitério de qualquer jeito prestar minha última homenagem para ela", completou.

Adriane Galisteu e Sérgio Marone apresentando o Miss Brasil 2012
Adriane Galisteu e Sérgio Marone apresentando o Miss Brasil 2012
Foto: Edson Lopes Jr. / Terra
Fonte: Terra
Publicidade