2 eventos ao vivo

Thammy Miranda: "homossexuais também podem atuar em novelas"

14 abr 2013
19h39
atualizado às 19h39
  • separator
  • 0
  • comentários

Thammy Miranda esteve no palco do Domingão do Faustão, na tarde deste domingo (14), e falou sobre o trabalho na novela global Salve Jorge, da autora Gloria Perez. Na pele da policial Jô, que se disfarçou de Lohana e viajou para a Turquia a fim de desmascarar a máfia do tráfico de pessoas, ela alcançou sucesso e vem recebendo o carinho do público. "Nós homossexuais também podemos atuar em novelas globais", falou emocionada, ao ser recebida com aplausos.

<p>Thammy Miranda dá vida à policial Jô em 'Salve Jorge'</p>
Thammy Miranda dá vida à policial Jô em 'Salve Jorge'
Foto: Divulgação/Globo

A cena mais marcante de Thammy na trama foi aquela em que ela sobe ao palco da boate e dança Conga Conga Conga, música da cantora Gretchen, mãe da atriz. "O mais importante naquele momento foi a quebra de uma barreira comigo mesma. Era uma imagem de mulher que eu tinha renegado e eu achei que não seria capaz de fazer de novo, mas ali estava uma atriz e eu como atriz sou capaz de fazer qualquer coisa".

Sobre a forma como foi recebida pelo elenco, ela contou: "independente do que eu faço dentro da minha casa, o que está em questão é o meu personagem, a forma como eu estou atuando, o meu profissionalismo, o meu caráter. Eu não posso falar nada de ninguém porque desde o primeiro dia as pessoas me apoiaram, me deram liberdade para trabalhar e respeitaram o que eu estava fazendo".

Thammy também recebeu uma homenagem de Gretchen: "você é uma vitoriosa. É muito importante para mim ver o Brasil se curvando ao seu talento. Você lutou muito por esse reconhecimento e merece cada aplauso". Ao que Thammy respondeu: "se eu cheguei aqui é porque nasci com 1% da garra que você tem".

Fonte: Terra
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade