publicidade
14 de dezembro de 2009 • 07h28

Nudez de Marília Gabriela e Ângela Vieira na TV gera rebuliço

Cenas de nudez de Marília Gabriela e Ângela Vieira animam a audiência de Cinquentinha, minissérie de Aguinaldo Silva
Foto: TV Globo / Divulgação
 
NATALIA VON KORSCH
Rio de Janeiro

Desde a última terça-feira (8), no dia seguinte é a mesma coisa: todo mundo comenta o que viu em Cinquentinha. A série, que nem havia estreado e já era polêmica com a saída de Marília Pêra do elenco, mostra seios sendo acariciados, beijo lésbico e as curvas perfeitas de atrizes que apareceram nuas e arrasaram.

Aos 61 anos, a jornalista e atriz Marília Gabriela causou polêmica e dividiu opiniões. Na internet, choveram acusações de que ela teria se valido de dublê, com seios lindos. Marília não quis comentar os boatos: está muito satisfeita com seu corpo.

"Já fui convidada duas vezes para posar nua. Da primeira nem quis ouvir a proposta, da segunda ouvi e fiquei muito abalada, nunca ganharia no jornalismo o que me ofereceram para mostrar a bunda. Passei dias me olhando nua no espelho e gostei do que vi", contou a atriz, que protagonizou cenas quentes com Ângela Vieira e o novato Rafael Cardoso.

Ângela, 57, confessa que sentiu um frio na barriga antes de gravar como a lésbica Leila: "Quando vi que ia ter que ficar nua de verdade, fiquei completamente surpresa e nervosa. Usei tanguinha cor da pele, que é a mesma coisa que nada. Morri de vergonha! Mas no segundo dia já estava à vontade, quando gritavam gravando, eu já dizia 'vamos lá'".

A minissérie em oito episódios termina nesta sexta-feira (18) e tem alcançado ótimo ibope para o horário das 23h (média de 21 pontos). Mas o autor Aguinaldo Silva garante que o sucesso de Cinquentinha não tem a ver com nudez: "Nada até agora foi mais ousado do que aquilo que se vê nas ruas. Diante desse panorama real, a ficção de Cinquentinha chega a ser pudica", defende. "A minissérie tem, sim, uma linguagem ousada e picante. É o que se pode esperar de um horário tão tardio. Se nudez desse audiência, o canal Hot seria campeão"

O Dia