Séries

publicidade
07 de abril de 2013 • 13h37 • atualizado às 14h06

'Mad Men' estreia 6ª temporada nos EUA: relembre mulheres de Don Draper

Relação entre Don Draper e Megan mudou durante o fim da 5ª temporada de 'Mad Men'
Foto: Divulgação
 

"Você está sozinho?" A 5ª temporada de Mad Men terminou com uma loira fazendo esta pergunta para um solitário Don Draper em um balcão de bar. Começando a ter dúvidas em relação a seu casamento com Megan, o publicitário apenas deu um de seus olhares sedutores para a interlocutora. Com a estreia da 6ª temporada da premiada série no domingo (7), nos Estados Unidos, a grande pergunta a ser respondida é: Don Draper voltará a trair? Em uma prévia liberada pela emissra AMC, Matthew Weiner, criador da série, dá uma dica do que esperar: "será uma grande jornada de aprendizados sobre Don."

Don passou toda a 5ª temporada tentando fazer o casamento com Megan dar certo. Conseguiu não se envolver com outras mulheres, mas conforme o sonho Megan de se tornar atriz se tornou mais forte do que sua dedicação à função de redatora na Sterling Cooper Draper Price, Don começa a sentir um distanciamento entre sua austeridade e a juventude de Megan. E se o fã de Mad Men aprendeu algo ao longo das cinco primeiras temporadas é que, para Don, a melhor maneira de curar um problema matrimonial é nos lençóis de outra mulher. Afinal, a série quase pode ser resumida pela relação de Don com as diversas mulheres de sua vida - veja mais na galeria.

Mas nem só de Don Draper vive Mad Men. A 5ª temporada também terminou com a Sterling Cooper Draper Price alugando um andar maior em seu prédio na Madison Avenue, com os sócios vislumbrando um futuro promissor. Sócios que agora incluem Joan Harris, após a ruiva ter aceitado se deitar com um membro do conselho de uma marca de carros de luxo em troca da conta de publicidade da empresa. Será interessante testemunhar como os conservadores Bert Cooper e Roger Sterling lidarão com uma mulher como sócia.

O arco de Joan se liga à evolução do feminismo durante os anos 1960, o que também fica nítido na trajetória de Peggy Olsen. Agora longe da SCDP, após um doloroso pedido de demissão para seu mentor Don, Peggy terá testada sua capacidade criativa e de liderar uma equipe sem a supervisão de Don. Se os fãs se preocupavam com um desaparecimento da personagem na nova temporada, o material liberado pela emissora AMC até o momento refuta a tese.

Quem deve voltar a ter destaque também é Betty Francis, a ex-mulher de Don. Após sofrer durante a 5ª temporada com o sobrepeso e até com a suspeita de estar com câncer na tireóide, a loira aparece em sua melhor forma nas fotos de divulgação da nova temporada. Mesmo casada com o consultor político Henri Francis, Betty nunca deixou de se importar com o que acontecia na casa dos Draper, principalmente após conhecer Megan e ver a filha Sally fugir de suas asas protetoras.

Mad Men estreia neste domingo (7), com um episódio de duas horas nos Estados Unidos. Em sua crítica do episódio, o The Hollywood Reporter não revelou detalhes sobre o enredo, mas deixou claro que será uma grande reflexão de Don e Roger Sterling sobre a morte. Ancorado nas transformações sociais do final dos anos 1960 e com ótimo roteiro, Mad Men promete mais uma grande temporada.

Terra Terra