PUBLICIDADE

Mãe de Chico Buarque de Hollanda morre aos 100 anos

6 mai 2010 10h59
| atualizado às 12h37
Publicidade

Maria Amélia Buarque de Hollanda, mãe do cantor Chico Buarque de Hollanda, morreu na noite de quarta-feira (5). A informação foi confirmada pela assessoria do artista, que não informou a causa da morte e o local.

Presidente Lula beija a mão de Maria Amélia Buarque de Holanda na presença de Chico Buarque
Presidente Lula beija a mão de Maria Amélia Buarque de Holanda na presença de Chico Buarque
Foto: Ricardo Stuckert/PR / Divulgação

Os porta-vozes do cantor disseram que ele não irá se pronunciar sobre o assunto por enquanto e não sabem informar local do velório e enterro.

Conhecida por Memélia, apelido dado pela neta e cantora Bebel Gilberto, a mãe do cantor completou 100 anos de idade em janeiro, com direito a grande festa e presença da família do presidente Lula. Com a perda dos movimentos das pernas, ela mantinha-se reclusa em seu apartamento no Leme, Rio de Janeiro, e raramente era vista em público.

Maria Amélia foi casada com Sérgio Buarque de Hollanda, um dos fundadores do Partido dos Trabalhadores (PT), e deixou uma prole de 7 filhos (Miúcha, Sérgio, Álvaro, Chico, Maria do Carmo, Ana e Cristina), 13 netos (entre eles a cantora Bebel Gilberto e a atriz Silvia Buarque de Hollanda) e 12 bisnetos, sendo a caçula filha de Helena com o cantor Carlinhos Brown.

Com informações do JBonline

Fonte: Terra
Publicidade